Mãos ao ar

Blogue de discussão desportiva. Qualquer semelhança entre este blogue e uma fonte de informação credível é pura coincidência e não foi minimamente prevista pelos seus autores. Desde já nos penitenciamos se, acidentalmente, relatarmos uma informação com um fundo de verdade. Não era, nem é, nossa intenção.

quarta-feira, abril 12, 2006

Não Diguem Isso

Há quem faça colecção de selos, de postais ou de dedos decepados das vítimas de canibalismo desenfreado. Eu colecciono discursos do presidente do Benfica. Acho-os inspiradores. Românticos. Irresistíveis (ver aqui um exemplo). Esta semana, tive acesso às palavras moralizadoras de Luís Filipe Vieira na Casa do Benfica de Cebolais de Rabacinas (concelho de Sarnadas de Ródão), onde o presidente se deslocou expressamente para tentar vender kits de sócio. Não vendeu nenhum, é certo, mas já ficou apalavrado que tentará vender um na próxima saída precária do Nelinho Canhoto. Exemplo mais do que suficiente para constatar que o Benfica está vivo. Esmagado por um rolo compressor, mas vivo!

Benfiquistas,
Diguem o que disserem por estes dias na imprensa, a época do Benfica foi fantástica. Vaiam descansados para casa porque o futuro é nosso. Os jornalistas aqui presentes bem podem tentar tirar rabos da púcara que eu não direi mal do senhor Koeman. É verdade que as substituições têm sido sempre erradas e deixaram a equipa em papos de aranha. Mas o senhor Koeman percebe muito de futebol e a direcção não interefere com a gestão do futebol. Como diz o povo na sua infinita sabedoria, cada macaco no seu gay.
Os benfiquistas têm de perceber que querer ganhar a Champions é, como o poeta dizia, querer meter o focinho na Rua da Betesga. E por estranho que pareça, ele não cabe lá. [aplausos]
Lutando pelo campeonato e pela Champions, nós quisemos matar dois coelhos com uma queijada. Não conseguimos. Sobraram coelhos e faltaram queijadas! Essa é que a verdade que os jornais não diguem. [assobios de indignação].
Facem-me um grande favor, benfiquistas. Estou-vos a dizer-vos que, no próximo ano, ganharemos o Campeonato, a Taça e a Champions. Eu não me acredito que assim não seja. E luto todo os dias para que os benfiquistas não deixem de se acreditar disso. [aplausos]
Estou-le a dizer, amigo benfiquista, que não le quero vender banha de cobre. Uns andam com a pulga atrás da ovelha. Outros, como nós, sabem que não se fazem amuletos sem partir ovos. Os ovos já está partidos, benfiquistas. Para o ano, teremos amuletos. [ovação]
Deiam uma resposta convincente aos inimigos do Benfica. Ter sucesso no futebol português é como encontrar um pulha num palheiro. Mas eu quero aqui e agora assegurar que encontrarei esse pulha e esse palheiro. [muitos aplausos]
Meus senhores, muito obrigado.

13 Comments:

At quarta-feira, 12 abril, 2006, Anonymous Jay Jay Okochadisse...

Discurso do chulo do teu presidente: sportinguistas... quero aqui garantir... hic hic.. que o Sporting é quase tão bom como Benfica. Hic hic.

O LFV ao menos não é bebado.

P.S.: Parabéns pelo título de campeão. De k cor são as faixas?

 
At quarta-feira, 12 abril, 2006, Anonymous Pibermandisse...

Jay Jay continua a deslumbrámos com a sua, já mitica diria, infinita sabedoria e sublime vocabulário.
Presumo que seja o escriba dos LFV.

Falta no discurso o único e inconfundível:
"Ambos os dois"

 
At quarta-feira, 12 abril, 2006, Anonymous Anónimodisse...

...enquanto admirador confesso deste blogue, devo dizer que já houveram posts com mais piada...

 
At quarta-feira, 12 abril, 2006, Blogger Guitarristadisse...

Tirando o houveram, faço minhas as palavras do senhor anónimo. Desinspiradito, hein Bulhão? Ou foi tirado a ferros, para tentar alegrar um pouco a semana verdinha? Mas apreciei o esforço de tentar juntar o máximo de alarvidades no mínimo número de palavras. Um tiquezinho um pouco populista e facilitista. Típico, portanto: "não tenho ideias, deixa-me cá achincalhar o benfiquista". Bem pensado! Nunca ninguém se tinha lembrado disso...

 
At quarta-feira, 12 abril, 2006, Anonymous Simelão da iaquintadisse...

Deves ter um ódio de morte ao orelhudo, ó Colhão Chato. Desde que ele lá meteu os pés que o Sporting só ganhou uma Taça, a da Amizade.
Pode limpar o cú à gramática que enquanto continuar com este estranho efeito sobre os rastejantes, nós "fiquemos" agradecidos. Melhor que o Benfica campeão... só os lagartos na penúria.

Incha.

E que esse grande benfiquista, o Felipão Franco, vença as eleições. Esse homem honesto que foi o único lagarto que viu a frangada do Lusiaves na Luz que nos deu o título.
Camacho tinha razão quando dizia que o Ricardo era um jogador importante para o Benfica. Nunca percebi que importância poderia ter... até ao dia da alegria.
O minuto 80 é o minuto do melão para a lagartagem. Têm que fazer jogos de 80 minutos para vcs ganharem campeonatos. Por isso é que vcs ganham nos juvenis e nos juniores... os jogos têm menos tempo.

 
At quarta-feira, 12 abril, 2006, Anonymous RRdisse...

O orelhas,
é um camelo,
tem duas bossas,
e muito pêlo!!!!

 
At quinta-feira, 13 abril, 2006, Blogger Peyroteodisse...

Parabéns! O Orelhas não se expressaria melhor! :)

 
At quinta-feira, 13 abril, 2006, Blogger Bulhão Patodisse...

Vocês devem julgar que as piadas saem sempre bem ao Badaró e à Marina Mota...

Por estranho que pareça, eles também têm dias maus.

 
At quinta-feira, 13 abril, 2006, Blogger Guitarristadisse...

Para castigo, devias ser obrigado a mudar a fotografia e passar a usar a do Badaró. Ou, pior: a da Marina Mota. Ou, por associação de ideias e remetendo a um grande vulto do futebol português na sua vertente mais estética e tecnicista (fundindo, dá vertente "esteticista"), por que não uma foto do Oceano? E não estou a falar do Atlântico.

 
At quinta-feira, 13 abril, 2006, Anonymous Rui Gomesdisse...

Pérolas para porcos, Bulhão

 
At quinta-feira, 13 abril, 2006, Blogger Bulhão Patodisse...

Onde? Onde?

 
At quinta-feira, 13 abril, 2006, Blogger Figas_21disse...

Eu gostei :D

 
At quinta-feira, 13 abril, 2006, Blogger Apredisse...

Este LFV deixa o Vilarinho a corar de inveja, mesmo com os seus discursos pós almoço!

 

Enviar um comentário

<< Home