Mãos ao ar

Blogue de discussão desportiva. Qualquer semelhança entre este blogue e uma fonte de informação credível é pura coincidência e não foi minimamente prevista pelos seus autores. Desde já nos penitenciamos se, acidentalmente, relatarmos uma informação com um fundo de verdade. Não era, nem é, nossa intenção.

quarta-feira, outubro 03, 2007

O banho dos cisnes



Pyotr Tchaikovsky, dizem-me, não era ucraniano. Não tinha mesmo nada a ver com o Shaktar Donestk. Aliás, por ter morrido em 1893, é bem provável que não tivesse qualquer ideia sobre o Benfica e o futebol português – muitas vezes, quando morrem, as pessoas perdem contacto com as notícias mais recentes, sobretudo as da piolheira. E Tchaikovsky, embora indefectível leitor do “Notícias Magazine” até ao fim, foi perdendo contacto com a realidade.
Mesmo assim, Piotr Tchaikovsky foi maravilhosamente celebrado no relvado da Luz na noite de hoje. No seu “Lago dos Cisnes”, a princesa Odette é indecentemente transformada em cisne por um feiticeiro. Ora, quando se é princesa, custa muito perder regalias – julgo que é contra a perda desse tipo de direitos adquiridos que os fulanos da CGTP andam aqui na rua a espernear aos megafones logo pela manhã, embora, valha a verdade, a maior parte dos manifestantes não tenha ar de quem vai ao ballet e, se visse um cisne, provavelmente comia-o vorazmente. Mas… disperso-me, como a defesa do Benfica.
No maravilhoso relvado benfiquista, Mircea Lucescu fez de feitceiro Von Rothbart, enquanto a Camacho restou o papel de príncipe Siegried, herdeiro aclamado do trono, sim senhor, mas destinado a passar a hora e meia daquela fantochada atrás de cisnes metamorf... metalomec.... metarform... irra… transformados. Com um golpe de magia, o finíssimo maestro da Damaia transformou-se em mero condutor de charanga, como dizia o Badaró, que, nestas coisas, é sempre uma voz lúcida para desempatar. Com um rápido abracadabra, o dinâmico Cebola foi feito em repolho – mais estático, é verdade, mas nem por isso menos traumático, que eu tenho para mim que a alcunha bulbosa não advém propriamente de fazer os adversários chorar com os seus (raros) golos, mas sim de lhes descascar, camada a camada, os ossos do tornozelo.
Cardoso confirmou em campo a petição que anda por aí, requerendo que Camacho coloque em campo um saco com 9,1 milhões de euros no seu lugar que, pelo menos esse, sabe fazer a posição 9 e sempre se mexe. O “Record” lembrou em Julho que Cardoso é diabolicamente rápido a chegar ao jogador da sua equipa que marca os golos, sendo quase sempre o primeiro a abraçá-lo, mas, não havendo golos, Cardoso confunde-se, como é natural. E os grandes planos do seu rosto não mentem: o paraguaio precisa desesperadamente de um abraço!
Nuno Gomes, honra lhe seja feita, foi o único que não pareceu afectado pela feitiçaria do romeno que dirige o Shaktar. E, valha a verdade, terá o sido o benfiquista a quem o tutu de algodão menos incomodou, como se vestisse uma segunda farda, à medida que os graciosos pliés com que brindou a plateia lhe saíam com naturalidade.
Como Tchaikovsky previra, os cisnes foram ao banho, senhores. E voltaram depenados.

31 Comments:

At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Blogger Visigordodisse...

Curioso que também nessa história há um príncipe, um maestro, ou lá o que é que ele é. Curioso também que é ele o salvador de toda a história. Mais curioso ainda é o tal do maestro ter tamanho amor ao cisne, que acaba por o salvar.
Ora, coíncidência das coíncidências, isto trata-se duma antiga peça, executada vastas vezes e afamada entre os antigos vermelhos, leia-se União Soviética, que isto, não quero cá confusões, e não vão algumas das más línguas confundir um clássico com um jogo de pontapé na bola. Um clássico é um clássico, um Benfica x Varzim é um Benfica x Varzim.
Nos dias que correm, isto deixa de fazer qualquer sentido.
No país dos vermelhos, são Kursk’s atrás de Kursk’s, quase à média de um por dia. Se o príncipe não vai disfarçando uma ou outra, saltando e exigindo ele protagonismo nos editais do reino, a média aumenta sobremaneira e o feiticeiro acaba por transformar todo o reino na visão de Orwell..
Dissidência atrás de dissidência, parece que aquilo incomoda toda a gente menos o seu rei protector, hoje em dia já não o da mancha vermelha na testa, mas o testa da mancha vermelha.
A influência politica vem por aí abaixo e até já qualquer chá tea d’Or donut (Coca-cola, mc Donald’s, etc.) lhe entra em casa e lhe faz a vida negra.
O mundo já não é o que era e a vida não está para princesas. Mesmo em forma de cisne, o Natal aproxima-se e podem sempre ser confundidas com um peru.
O que lhes vai valendo é camuflagem e passarem-se por flamingos.

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Blogger Helena Henriquesdisse...

E agora que os cisnes já foram ao banho, segue-se, pelo mesmo autor e intérpretes, o Quebra-nozes? Costuma rondar o Natal. Depois, a encerrar a época a Bela Adormecida?

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Anonymous Anónimodisse...

Sou do Benfica. Mas tenho que dar os parabéns por este texto.

Muito bom!

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Blogger Chalana (o anti-bulhão)disse...

Grande filho da puta. Monte de merda viscosa. Xulo. Deviam-te fazer como os outros, que foram cagar ao cemitério dos judeus para protestar.
Vaius ver com quantos pontos acabas em Dezembro

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Blogger LionHeart (o autêntico)disse...

Cisnes??? Que delírio.

Aquilo ou são galinhas como o Nulo Golos ou trogloditas como o Chalana.

Não sei onde consegues perceber a graciosidade e a elegância do cisne num conjunto de animais como estes.

Porcos, vá lá. Agora cisnes...

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Blogger Bulhão Patodisse...

Mas quais outros Chalana?
Como diz a minha avó, que anda um bocadinho mouca: "o que é que ele diz?"

Helena, o "Quebra-nozes" parece muito apropriado. Fica para Donetsk.

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Anonymous brevedisse...

Cá está um exemplo flagrante! Aquilo que eu desconfiava...

Como olhamos para os outros em demasia, não nos preocupamos com aquilo que devemos fazer.

Daí que não ganhemos e, consequentemente, não sejamos realmente grandes...

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Blogger Capicua101disse...

Sempre em forma Bulhão! No que toca a (des)cascar ou a depenar os rosinhas...ainda és mais eficaz que o depenator him self!

Que texto carregado de tantas imagens poeticas ... Que fina ironia!

Será que os chalanas desta vida alcançam?

É possivel que sim, afinal sempre há por lá uns nomes familiares pelo meio...

SL!

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Blogger Guardador de Porcosdisse...

Chalana ,

Esse teu simbolo NN quer disser nepia de neurónios

neurónis são umas celulazinhas que conduzem implusos .....

Caga nisso tu não tens mesmo

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Anonymous Anónimodisse...

chalana

devias mudar de nick!
Nem o chalana merece que filhos das putas como tu andem aí a consporcar o nome dele disfarçados de vermelho. resumindo nao vales nada, nem para o benfica nem pra nada. o pior é que isso com a idade tem tendencia a piorar. este mundo nao é pra ti. mata-te ou vai morrer longe. és daqueles que a aguia vitoria devia cagar em cima, és reles, zero, nada. resumindo: és uma merda pá! o teu clube és tu.

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Anonymous Anónimodisse...

Desculpem, mas não posso deixar de transcrever o post do VLX no Blog "Mar Salgado", simplesmente brilhante. Aí vai: "Sei pouco mais sobre o assunto do que a velha regra segundo a qual só o guarda-redes pode fazer roleta e bola dentro da baliza é golo, mas o mundo do futebol fascina-me imenso e aproveito todas as ocasiões para aprender algo mais. Hoje foi um fartote de sapiência. O treinador do Benfica fez-me ver a Luz e perceber a dinâmica do golo (afinal tão simples!...): "a bola quer entrar, entra; não quer entrar não entra!" Tudo depende, então, da vontade do esférico, que certamente por isso é redondo como oiço a tantos comentadores. Deve também ser por isso que o jogador Rui Costa dizia à RTP-N que agora havia que correr atrás do prejuízo em todas as competições (já que atrás da bola não deve servir de nada se ela não quiser entrar). Já tinha reparado nesta opção do jogador embora não consiga identificar o "prejuízo" no meio do campo - é aquele da bandeirinha que disse "mão!" na última jornada? Compreendo agora que no Benfica nunca se dependa da qualidade e esforço dos jogadores e ficam esclarecidos para mim todos e cada um dos golos de Nuno Gomes, bem como os permanentes queixumes dos seus dirigentes. Ao fim e ao cabo é uma questão de bolas e provavelmente por isso certos dirigentes se preocupam tanto com a vida privada dos adversários.
Percebendo isto e simpatizando com o Futebol Clube do Porto, tremo só de pensar nas sanções que aí virão pois foi hoje manifesto que o seu guarda-redes impediu a vontade férrea da bola de entrar na baliza onde queria e que Quaresma deve ter feito falta punível com vermelho ao cacetar a bola para uma baliza onde ela, manifestamente, se recusava a entrar. Imagino já uma Senhora Procuradora a abrir o caso "bola dourada", detendo a dita para interrogatórios por se ter deixado chutar para a baliza do adversário contra sua vontade. Foi "fruta ó chicolate", sem sombra de dúvidas: aquela bola não é de Berlim.
Julgo que como atenuante nos poderá servir o comentário de Rui Santos, na SIC-Notícias, pois ele considerou o golo "um golpe de sorte", o que nos permitirá alegar que não terá sido intencional nem fruto do esforço e dedicação dos jogadores: bem vistas as coisas terá sido "um golpe de azar", o que nos permitirá escapar a qualquer sanção. É certo que teremos de antecipar a possibilidade de alguém vir dizer que Rui Santos não falava do jogo a que tinha sido chamado a comentar pois ele começou o comentário referindo-se ao empate do FCP com o Liverpool, que generosamente considerou "aceitável", e prosseguiu referindo-se por duas vezes à derrota com o Fátima (a quem daqui endereço os mais sinceros parabéns pois não sabia que estava na Liga dos Campeões).
Imagino que a coisa esteja muito má para o FCP pois a jornalista perguntou a Rui Santos se este clube ainda teria hipóteses de passar à fase seguinte, questão que não lhe ocorreu relativamente às restantes equipas portuguesas em competição.
Mudando outra vez de canal percebi tudo. O jornalista da RTP-N perguntava muito simpaticamente qualquer coisa a um jogador do Benfica, adiantando que "o jogo não tinha corrido nada bem" e que "o Benfica não ganhava na Liga dos Campeões há dois jogos" (na SIC esclareceu-se que foi a primeira derrota do clube na Luz desde há um ano). Fez-se-me novamente Luz: imagine-se que este jogo tinha corrido mal e que o Benfica tinha perdido os dois últimos jogos - era seguramente muito pior!
Munido de mais estes conhecimentos, regressei à SIC-Notícias, porque me diverte também ver o Jorge Coelho a defender este Governo e podia já ter começado o programa, mas ainda lá estava o Rui Santos a elogiar o Benfica por ter rematado vinte e quatro vezes à baliza embora, como sublinhou, na maior parte das vezes, a bola não tivesse chegado à baliza (começam a tornar-se simples para mim as regras do críquete). Segundo as teorias de Camacho, da Senhora Procuradora, do Sr. Vieira e daquela Jornalista que reescreve livros, a bola estava carregadinha de café com leite.
Preocupa-me o Sporting Clube de Portugal, com quem não deixo de simpatizar (eu, afinal, gosto de todos menos de um). Pois um clube que na Liga dos Campeões nunca tinha ganho nada fora de casa deve estar, naturalmente, neste momento, sob suspeita da Senhora Procuradora por ter comprado as duas bolas que lhe deram, por uma vez, a vitória. A coisa é suspeita. Mas eu aqui, como o Rui Santos, ponho as mãos no fogo que foi "um golpe de sorte". Só pode."
Grilo Falante

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Anonymous Anónimodisse...

Peço, desde já, desculpa ao Chalana, pois sei que não vai conseguir perceber o que está escrito, no comentário que antecede este...
Grilo Falante

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Blogger Francisdisse...

brilhante prosa...
eles lá continuam cantando e rindo, convencidos do que o orelhas lhes diz...fazem-me lembrar a Coreia do Norte...

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Blogger Lars o Kirkdisse...

QUIZ: Qual destes benfiquistas é falso?

1. "Sou do Benfica. Mas tenho que dar os parabéns por este texto. Muito bom!"

2. "Grande filho da puta. Monte de merda viscosa. Xulo. Deviam-te fazer como os outros, que foram cagar ao cemitério dos judeus para protestar. Vaius ver com quantos pontos acabas em Dezembro."

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Anonymous Juvenenodisse...

Bulhão. E que tal fazeres uma prosa sobre o "Banho do Camacho". É que o homem tem cada vez mais a imagem do verdadeiro porco ibérico, daqueles que tem uma péssima relação com o sabonete e o shampoo.Decididamente não tem "ganas" de tomar banho.

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Anonymous Anónimodisse...

Por falar no Camacho vejam isto : http://app5.marca.com/MarcaToons/VerVideo?codVideo=155&sb=s

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Anonymous Juve Boydisse...

Resposta ao Quiz:

Analisando o vocabulário, diria que o 2 é o tipico Benfiquista. Mas vou ficar na minha, a pensar que há benfas que falam 3 frases sem falar nos outros ou em palavrões.

E Breve... caso não saibas, isto é um Blog Sportinguista. logo, estás a falar de ti :) Não conheces blogs do teu clube? Ou eles deixaram de postar desde que saiu o Suinão Cabrosa?

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Blogger O 7 Malditodisse...

A malta anda a agitar muito as águas e um dia destes a súcia vermelha ainda começa a juntar 1 + 1 e a perceber o bareete que lhes andam a enfiar há anos. Vamos lá a moderar no gozo e no sarcasmo, sff.
Ou querem que o Vieira e o Camacho saiam!?
Digam que foi azar, q o árbitro os "róbô" ou que foi falta de "fére play" quando o Nelser se lesionou. Continuar a debochar assim com aquela gente é que não pode ser.

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Blogger LionHeart (o autêntico)disse...

"Deviam-te fazer como os outros, que foram cagar ao cemitério dos judeus para protestar."

Eu hoje estou um bocadinho lento e ainda não percebi bem o sentido da sugestão do chalana.

Ele sugere que o bulhão vá cagar ao cemitério ou está apenas a chamar-lhe judeu?

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Blogger O 7 Malditodisse...

Dizem que os animais tendem a assumir traços de personalidade dos donos. No caso de Chalana, a mente mais forte dos seus queridos pombos levou a que fosse ele a assuimir a personalidade das aves. Não liguem...
...ru-ru...ru-ru...ru-ru...

 
At quinta-feira, 04 outubro, 2007, Anonymous Anónimodisse...

E o bom do Piotr Tchaikovsky tinha uma coisa em comum com a maioria dos lampiões - era uma bichona...

 
At sexta-feira, 05 outubro, 2007, Blogger Visigordodisse...

E o bom do Piotr Tchaikovsky tinha uma coisa em comum com o Chalana....... os devaneios, amigo, os devaneios. Longe de mim insinuar seja o que for.
Mas, convenhamos, quem já adquiriu o seu estatuto e chega aqui com um simples "Monte de merda viscosa. Xulo", está a abichanar.
E a falta que faz um Bastos Lopes quando o Chalana abichana...

O 7 sabe-la toda. Eça é que é Eça. O Saramago também continua igual a ele próprio, mas tem de passar a escrever por escrever.
7, só um reparo, achas mesmo que um gajo como o Chalana, que nem dele sabe tomar conta, seria capaz de ter um pombal, ou, exageremos, criar um hamster?

 
At sexta-feira, 05 outubro, 2007, Anonymous RRdisse...

Acho que vocês estão a exagerar com o pobre do Chalana...

Eu por mim só tenho a dizer:

Ainda bem que estás de volta! Já tinhamos saudades tuas!!!

Nada como um bom comentário destes para alegrar a manhã de sexta-feira e para nos lembrarmos como é bom não sermos lampiões!

Se bem que tenho de concordar que desta vez o comentário foi um bocado criptico... afinal quem são os outros que foram ao cemitério??

 
At sexta-feira, 05 outubro, 2007, Blogger O 7 Malditodisse...

Amigo Visigordo, Fernando Chalana é um reconhecido columbófilo da nossa praça. Diz-se que também é outras coisas terminadas em "ófilo", mas nisso eu já não me meto...
Lembro-me há uns anos atrás de uma reportagem da RTP do género "Onde anda....?" em que foram encontrar o "Pequeno Genial" (mas com enorme bigode), algures ao abandono, tendo como companhia apenas as suas aves engripadas.
Digo-vos que o cenário era dantesco: Chalana de fato de treino, com aquele ar de vinho, voz entremelada, barba de 5 dias...
Foi aí que alguém da direcção do SLB resolveu recolher aquela criatura antes que a carreta da Câmara o fizesse. Da Anabela não ouvi falar. Mas consta que os júniores do Cova da Piedade a têm em muito boa conta.
A propósito, um destes dias mandaram-me uma música fabulosa. Um rock pesado de uma banda desconhecida, em que o refrão reza assim:
"Fernando Chalana, tu eras rock and roll.
Nas putas, nos copos e no futebol."
Uma delícia. O meu encarnado companheiro de blog proibiu-me de a postar, mas posso fazer-vos chegar o mp3. É divinal!

 
At sexta-feira, 05 outubro, 2007, Anonymous Laradisse...

Gostei, Bulhão, aliás, como sempre.
Mas, falando em passos de dança, que tal o do nosso Tonel? Eu adorei e não me interessa nada que tivesse sido falta, mas o moço levantou o pezinho tão alto que fez qualquer bailarina roer-se de inveja. :))
Beijinhos e saudações leoninas
Lara

 
At sexta-feira, 05 outubro, 2007, Anonymous Não batam + no Chalana!disse...

"Digo-vos que o cenário era dantesco: Chalana de fato de treino, com aquele ar de vinho, voz entremelada, barba de 5 dias..."

o 7 maldito diz a verdade. cheguei a ver Fernando chalana em cascais antes de o irem repescar. de facto dava-me pena e o gajo era do benfica. parecia um sem-abrigo. quase nao o reconhecia e até passei por mentiroso porque os meus amigos nao acreditaram que aquele na nossa frente era Fernando Chalana. um dos primeiros jogadores a ter direito a 2 nomes nos relatos da TSF e Cia. Também foi o maior otário do futebol portugues porque se deixou "chupar" todo pela Anabela essa grande figura do futebol dos anos 80. enfim o bigode de fernando chalana é uma lenda em todos os aspectos quase equiparavel ao filho de Néné.
chalana volta estas perdoado. as tuas frases tão cheias de emoção e vazias de significado são como os golos do nuno gomes.

 
At domingo, 07 outubro, 2007, Anonymous milhafredisse...

a música é dos clockwork boys. procurem no myspace.

 
At domingo, 07 outubro, 2007, Anonymous milhafredisse...

download aqui:
http://www.geocities.com/clockworkboysweb/

 
At segunda-feira, 08 outubro, 2007, Blogger Pedro Baratadisse...

Caros amigos aficionados do futebol, não percam, a partir desta segunda-feira e até quarta, a entrevista exclusiva com o futebolista do Tottenham RICARDO ROCHA no blog Rola a BOLA (WWW.ROLA-BOLA.BLOGSPOT.COM)
Um blog de desporto onde todas as cores são bem-vindas.
Saudações desportivas

 
At segunda-feira, 08 outubro, 2007, Blogger LionHeart (o autêntico)disse...

não batam + no chalana

Não era a anabela que lhe batia forte e feio?

 
At terça-feira, 11 dezembro, 2007, Anonymous Anónimodisse...

E agora, teorias à Bulhão não há?

Sugiro um nome para novo post: "Requiem para uma morte anunciada". Podem oferecê-la ao garrafão de Jameson ou ao Dranquilidade

 

Enviar um comentário

<< Home