Mãos ao ar

Blogue de discussão desportiva. Qualquer semelhança entre este blogue e uma fonte de informação credível é pura coincidência e não foi minimamente prevista pelos seus autores. Desde já nos penitenciamos se, acidentalmente, relatarmos uma informação com um fundo de verdade. Não era, nem é, nossa intenção.

quinta-feira, novembro 02, 2006



Eis que, de súbito, António Lobo Antunes se junta ao painel de colunistas do Mãos ao Ar. Tentámos evitá-lo, reconheço, mas o homem nem empurrado nos desamparou a loja. Não tivemos outro remédio que não dar-lhe papel e lápis e deixá-lo verter em prosa as agonias que lhe moem a existência… E nos moem a nossa.
Sem mais delongas, eis António Lobo Antunes em rigoroso exclusivo nacional.

Os Pobrezinhos
Toda a gente teve brinquedos em criança. (eu não). Eu tive piolhos de presente e raspas como alimento. Nunca tive quem me dissesse
— Meu rico menino
e, de cachopo, guardei apenas a lei da mucanga, a única ordem que um menino em Angola respeita. Na mucanga, velhos e novos sabem que viver ou morrer é determinado pela forma como saímos da ribitu ria’nzo, que é como os bantus chamam, em umbundo, à porta de casa.
(Eu nunca fui pululu), diáfano, transparente, como se diz em umbundo. Nem sei porque escrevo com tantos parênteses e quebras de texto. Gosto de pensar que, se eu comi amargamente as passas de uma infância espezinhada, sem poder deglutir uma pipoca em liberdade
- ó Menino, não comas a omulu antes de jantar.
essa cáfila de forrozeiros, encafifados, bundas-moles, espadas-de-ogum, que são os meus leitores, não terão o prazer de ler e perceber, perceber e ler, ler e ler e demais combinações semânticas. Que estes arranjos todos já me estão a deixar a curinga em água.
Pedem-me para falar de futebol
- Os estupores, grandes cabrões, cafundós de Judas, que não respeitam o Escritor, assim mesmo, com letra grande porque eu comi o pão que o diabo amassou. E o que ele não amassou eu também comi.
(já não me lembro se fechei a frase anterior com um ponto final.) O zumbido da zabumba no meu tímpano confunde-me, e estes zês todos seguidos, misturados com palavras que mais ninguém conhece, como bafafá e gangorra, impedem a concentração do mais rigoroso engenheiro aeronáutico.
Está claro que eu já não gosto de futebol. (O futebol hoje é uma merda, como quase tudo na vida). Sou do Benfica porque me pareceu melhor gostar de um clube que está decadente, decrépito, destrambelhado, derivado, desvairado, desencabeçado, decadista, declinante (já gastei a letra dê no teclado, grande porra, que me faz tanta falta) que se arrasta pela lama escura, viscosa e pútrida, que chafurda onde os porcos não ousar meter o bedelho,
- O feitiço que com a infância bebi, com ele irei a enterrar
por que diabo me lembrei deste provérbio nhaneca-humbe? Nem eu sei,
(- Ó filho, vai comprar uma cautela à Teresinha!)
Alguém tem um comprimido para dar ao António? Uma esmolinha, pulhas. Que o Benfica ontem ganhou e ainda fiquei mais bilioso, (adusto e baço). Um crila escolhe um clube de curumim, certo de que vai sofrer menorreias toda a vida, e depois
- Ó filho, vai lá, que a tabacaria fecha!
vê isto. Merda!

A COLABORAÇÃO DE ANTÓNIO LOBO ANTUNES COM O MÃOS AO AR TEM O ALTO PATROCÍNIO DE XANAX, O ANSIOLÍTICO DAS CELEBRIDADES. “COM XANAX, ESQUECE AS DISCORDÂNCIAS DA SINTAXE”

33 Comments:

At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Blogger Jay Jay Okochadisse...

Só mais um comentário a juntar ao k deixei no texto anterior: o Copenhaga, essa merda de terceira divisão europeia, limpou ontem o Man United. Afinal, o empate da Dinamarca conseguido pelo Benfica não foi assim tão mau, oh iluminados

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Blogger Guitarristadisse...

Boa, Bulhão. O Benfica ganha e pronto, é isto, o rapaz inspira-se. Gostei de ler.

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Anonymous Chalanadisse...

Até o Lobo Antunes é do Benfica. Bem ou mal, maluco ou são, o português é do Benfica. Excepto alguns infelizes. Mas são só meia dúzia, felizmente.

SLB... SLB... SLB.... Glorioso… SLB

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Blogger Bulhão Patodisse...

Badum badum. Ta tachim pum. Badum badum.
(Faltava a música, Chalana.)

Guitarrista e JJ: admito que me custou um poucochinho. Não estava à espera que o Celtic fosse atropelado com tanta força.
Disseram-me ontem que o lema da coroa escocesa é: "Ninguém me Ataca Impunemente".
Chega para lá, Manchester, que quem vier a seguir morre!

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Blogger Guitarristadisse...

Se o lema fosse sério, Edimburgo seria uma capital daquelas de verdade e não apenas para fazer figura... Mas também, esperar o quê de uma equipa que ostenta orgulhosamente o epíteto "Lions of Lisbon"?... Ainda por cima, com aquele equipamento.

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Blogger Férenc Meszarosdisse...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Blogger Férenc Meszarosdisse...

Bem, lá ganharam uma vez a uma equipa com riscas horizontais verdes e brancas. É dia de festa. Para celebrar vou fazer como qualquer bom benfiquista e espetar o meu dedinho do meio.

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Blogger Bulhão Patodisse...

Mas o equipamento foi precisamente o problema. Tivessem eles jogado à Sporting e, já se sabe, tinham dado os três da ordem. Decidiram usar aquela camisola manhosa, mais digna de um pijama do que dos Lisbon lions, e deu nisto.

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Blogger Guitarristadisse...

Nem quero saber onde vai o Férenc espetar o tal dedinho... hru-hrum... adiante, festa é festa e com os vícios dos outros posso eu bem.

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Blogger Bulhão Patodisse...

Eu aí, reconheço com humildade, que também não sirvo de muito.
À menina e ao borracho põe-lhes Deus a mão no… tacho!

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Anonymous Anónimodisse...

Lindoooooooooooooooo
Parabéns pela posta.

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Anonymous José Lúciodisse...

Muito bom. Fartei-me de rir. Vai buscar uma cautela à Teresinha!...
Nunca cá tinha vindo. Mandaram-me o texto por e-mail. Muito bom.

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Blogger master lizarddisse...

Uma vénia seguida de uma enorme chapelada!!!!

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Anonymous Anónimodisse...

Coitado do Lobo Antunes. Boa caricatura. O k eh k te levou a fazê-la?

 
At quinta-feira, 02 novembro, 2006, Blogger Bulhão Patodisse...

O homem enerva-me. Eu bem tento ler as crónicas e os livros, a sério que tento. Mas aquela amálgama de referências cruzadas, de vocabulários que não lembram ao diabo, de diálogos que ninguém compreende e o azedume do tipo "estou mesmo lixado com a vida, a porca da vida, que só me dá agruras", irritam-me. Rghhhnn (som da irritação).
Master: não é caso para tanto!
Um abraço.

 
At sexta-feira, 03 novembro, 2006, Anonymous Anónimodisse...

Boa posta, tambem nunca consegui ler um livro dele,monotono e irritante,ate na entrevistas que da consegue com que mudede canal.

 
At sexta-feira, 03 novembro, 2006, Blogger Antão Bordoadadisse...

"...essa cáfila de forrozeiros, encafifados, bundas-moles, espadas-de-ogum, que são os meus leitores, não terão o prazer de ler e perceber..."

Bwah-ha.(ha). Divertidíssimo.

 
At sexta-feira, 03 novembro, 2006, Blogger El Ranysdisse...

O melhor bulhão, dizia-me a minha mãe quando eu, empoleirado no limoeiro do quintal de benfica, espreitava de alto os decotes das moças
- Ó António, desce daí que cais
O melhor bulhão imita o estilo.
Começa no JAS e percorre-me a mim próprio, como o gnu anda à deriva na savana.
Merda de vida esta, em que nos copiam a inspiração. Tristeza do salamaleque quotidiano,
- Olha, filha, o Benfica ganhou
E resta-lhes a alegria do Nuno da bandolete, cara de menina. O limoeiro era alto. E o decote da vizinha loira, doméstica a tempo inteiro e amigalhada com o homem do talho, o marido um corno, era generoso o decote
- Do alto do limoeiro, via-lhe as tetas sem sutiã.

 
At sexta-feira, 03 novembro, 2006, Blogger Helena Henriquesdisse...

Férenc, eu estaria contigo nos festejos à lampião, mas acho que não me vai ficar muito bem espetar dedinhos. Fico-me então pelo apoio à tua iniciativa!

 
At sexta-feira, 03 novembro, 2006, Anonymous Anónimodisse...

É impressionante como alguns mentecaptos conseguem vir comentar este post sem serem ao menos capazes de o apreciar! Mas também é uma dupla que nos já habituou a isso.
Podia mesmo ter sido o António Lobo Antunes a escrever aquele texto. Ou consegues ser assim igualmente abúlico e enfadado??
Só faltou falar na Guerra e no stress pós-traumático.

 
At sexta-feira, 03 novembro, 2006, Anonymous jlafdisse...

É impressionante como alguns mentecaptos conseguem vir comentar este post sem serem ao menos capazes de o apreciar! Mas também é uma dupla que nos já habituou a isso.
Podia mesmo ter sido o António Lobo Antunes a escrever aquele texto. Ou consegues ser assim igualmente abúlico e enfadado??
Só faltou falar na Guerra e no stress pós-traumático.

 
At sexta-feira, 03 novembro, 2006, Blogger Bulhão Patodisse...

Eu sou MESMO abúlico, JLAF. Os leitores não me conseguem ver, mas estou aqui, deste lado, a espumar. Um abraço.

 
At sexta-feira, 03 novembro, 2006, Blogger master lizarddisse...

É, é!
Outro para ti.

 
At sexta-feira, 03 novembro, 2006, Anonymous Tsc_tsc...disse...

Para os pobrezinhos que falam do que não conhecem ou pior, que não sabem ler, aqui fica uma amostra pequenina:

http://photos1.blogger.com/blogger/1799/385/1600/Lobo%20Antunes.jpg


Quem não gostar alegre-se com o facto de o mau gosto estar em voga hoje em dia, o que não falta por aí são livros do Saramago.

 
At sábado, 04 novembro, 2006, Blogger joaquim agostinhodisse...

Escreves melhor que o Lobo Antunes.

 
At sábado, 04 novembro, 2006, Blogger Sancho Urracodisse...

Finalmente, a mais de 4.000 km de distancia, consigo ter acesso ao Maos ao Ar. E estou estupefacto: segundo entendi, os lamps ganharam ao Celtic e o Sporting nao ganhou em Munique! Esta tudo doido...

O melhor, mesmo, e ficar por aqui ate o mundo voltar a normalidade, enquanto me vou entretendo a ver os treinos do Sporting de Nampula.

Ate ao meu regresso

 
At sábado, 04 novembro, 2006, Blogger Bulhão Patodisse...

Com a tua tradicional sorte (e o nosso azar), mudaram o dia do Sporting-Braga e vens a tempo de ver o jogo. Irra!

 
At sábado, 04 novembro, 2006, Anonymous Anónimodisse...

Passem na Ibéria.

 
At sábado, 04 novembro, 2006, Blogger Antão Bordoadadisse...

tsc_tsc, seu lampião das letras: Saramago recomendar-se-à à secundária da Amora. Pior do que alguém que se ri das vacas sagradas só quem deixa que as vacas sagradas se riam dele. Viva Teixeira de Pascoaes.

 
At domingo, 05 novembro, 2006, Anonymous Anónimodisse...

Neste momento, aliás, segunda-feira, lá pela tarde, afinal o Sancho e o Pato vão estar em sintonia.
Momento raro que eu gostava de ter registado em video, mas, estes, que se fiquem pela deles, o engraçado era mesmo o Sancho pagar uma bejeca.

 
At domingo, 05 novembro, 2006, Blogger Visigordodisse...

Hic

 
At terça-feira, 07 novembro, 2006, Anonymous PAPOILA SALTITANTEdisse...

Parece-me é que aquela entrevista que o Lobo Antunes deu ao Expresso ainda está atravessada na garaganta de muitos não-benfiquistas. E já lá vão uns 4 anos...
É um misto bem podre de anti-benfiquismo e de nacionalismo bacoco que não perdoa ao escritor por ter dito que não fazia sentido estar em guerra com alguém do mesmo clube.
Agora que o MST já bradou contra a acusação de plágio, só falta arranjar mais um jornalista/comentador/escritor para o Sporting, para haver referências literárias ao gosto de todos os adeptos.
Ao menos ficamos com o Lobo Antunes...

 
At terça-feira, 07 novembro, 2006, Blogger Bulhão Patodisse...

Por favor, pára. Tens razão. Essa entrevista, que desconheço, ficou atravessada na minha garganta.

Julgo que falo pelos sportinguistas quando digo que podes ficar com o Lobo Antunes. Queres um Prado Coelho para condimentar?

 

Enviar um comentário

<< Home