Mãos ao ar

Blogue de discussão desportiva. Qualquer semelhança entre este blogue e uma fonte de informação credível é pura coincidência e não foi minimamente prevista pelos seus autores. Desde já nos penitenciamos se, acidentalmente, relatarmos uma informação com um fundo de verdade. Não era, nem é, nossa intenção.

segunda-feira, outubro 23, 2006

José Aragão Pinto


Por cada leão que cair, outro se levantará.

Conheci-o há mais de dez anos, em período conturbado da história do Sporting. Por contingências da vida, estivemos pontualmente em trincheiras diferentes, mas, dele, realçarei sempre o cavalheiro, o eterno lutador, o defensor intransigente do fair-play e o abnegado sportinguista.
Ganhou todas as batalhas em que se envolveu.
Perdeu esta, logo ele, que não perdia uma.
Ficou mais pobre o Sporting.

7 Comments:

At segunda-feira, 23 outubro, 2006, Blogger MAFdisse...

Caíu um GRANDE LEÃO.
Vemos partir um Homem que deu muito ao Sporting e que ainda ontem, uma vez mais compareceu em Alvalade para apoiar o Grande Amor da sua vida.
Todos os membros da Centúria Leonina prestam a sua homenagem a este Sportinguista.

 
At segunda-feira, 23 outubro, 2006, Blogger EvOl rOmAdisse...

Paz à sua alma!
SPORTING SEMPRE!

 
At segunda-feira, 23 outubro, 2006, Anonymous Anónimodisse...

Um exemplo de Sportinguismo, de amor, paixão e dedicação ao Clube, dava-se bem com toda a gente (situação rara num clube onde as "tricas e guerrinhas" pessoais são o pão nosso de cada dia, um fantástico Pai, um óptimo amigo, um "bon vivant"...
O Sporting fica mais pobre com a sua partida... A vida é, por vezes, muito cruel e muito injusta!
Quero deixar um grande beijinho à Marta e um grande abraço ao Ricardo.
Até sempre, meu querido Zé, o teu exemplo de Sportinguismo ficará para sempre gravado na minha (espero que nossa) memória!

C.P.R.

 
At terça-feira, 24 outubro, 2006, Anonymous jlafdisse...

Um muito obrigado ao nosso José "Aragorn" Pinto por tudo quanto lutou pelo Sporting Clube de Portugal.

 
At terça-feira, 24 outubro, 2006, Anonymous Anónimodisse...

Grande profissional. Grande homem. Grande leão.
Bem hajas Bulhão por esta homenagem.

 
At terça-feira, 24 outubro, 2006, Anonymous Juvenenodisse...

Grande LEÃO.
José Aragão Pinto era um dos que respirava Sporting por todos os poros, daqueles que não desistiam.
descansa em paz.

 
At terça-feira, 24 outubro, 2006, Blogger Bulhão Patodisse...

Descobri um recorte de jornal com quase 20 anos. No pavilhão da Luz, durante os festejos do título de hóquei em patins, eu e mais uns mânfios com muito mau aspecto [eu tinha bom aspecto, já se sabe] preparamo-nos para invadir aquele rinque ordinário. À distância, o José Aragão Pinto, «vice» das modalidades, tenta explicar-nos polidamente que, se invadirmos o recinto antes do fim do jogo, o jogo não terminará.
Eu creio que percebi. Mas os mânfios em meu redor têm o ar resoluto de uma legião de visigodos.
Divertido, com aquela gargalhada poderosa, ele lá n(os) convenceu a esperar.

 

Enviar um comentário

<< Home