Mãos ao ar

Blogue de discussão desportiva. Qualquer semelhança entre este blogue e uma fonte de informação credível é pura coincidência e não foi minimamente prevista pelos seus autores. Desde já nos penitenciamos se, acidentalmente, relatarmos uma informação com um fundo de verdade. Não era, nem é, nossa intenção.

terça-feira, maio 23, 2006

E Assim se Fazem Campeões

Conversas entre o ex-árbitro Pierluigi Pairetto e Luciano Moggi, director desportivo da Juventus, acordando árbitros amigáveis para jogos da Juventus. Pairetto, recordo, tinha funções nos comités de arbitragem da Liga Italiana e da UEFA. São horas e horas disto. Obviamente, não há corrupção. São meros diálogos entre gente que se gosta, como diria o Chico Buarque.

Pairetto: Estou?
Moggi: Gigi? Onde estás?
Pairetto: Já saímos.
Moggi: Oh. Que merda de árbitro, este, que nos mandaste...
Pairetto: Oh, Fandel é um dos primeiros…
Moggi (interrompe): Eu sei, mas o golo do Miccoli era válido.
Pairetto: Não.
Moggi: O quê? (…) Além disso, durante todo o jogo, ele só nos criou problemas.
Pairetto: Por acaso, não gostei dos auxiliares, é verdade. Mas eu estava a pensar em [nomear para o próximo jogo] aquele que, da outra vez, não viu o Trezeguet isolado.
Moggi: Isso já é outra coisa(…)

(muda-se o assunto).
Moggi: Oh, para Messina, manda-me o Consolo ou o Battaglia [árbitros italianos].
Pairetto: Já está feito!
Moggi: Quem é que vais mandar?
Pairetto: Creio que o Consolo e o Battaglia.
Moggi: Eh, com o Cassara também, eh?
Pairetto: Sim.
Moggi: E para Livorno: o Rocchi?
Pairetto: Para Livorno, pode ser o Rocchi, sim.
Moggi: E para o Trofeo Berlusconi, manda-me o Pieri, por favor.
Pairetto (alega um negócio pendente entre ambos): Olha que ainda não o fizemos…
Moggi: Vamos fazê-lo mais tarde.
Pairetto: Ok, fazêmo-lo mais tarde.
(a polícia argumenta que o “mais tarde” seria a negociação de um Maseratti oferecido por Moggi a Pairetto.)

(conversa entre Moggi, Morena e Pairetto, na véspera do jogo Djugarden-Juventus, da Liga dos Campeões. Morena anuncia a Moggi a nomeação secreta do árbitro)
Moggi: Está lá?
Morena: Mister Moggi, olá. Queria anunciar-lhe o nome do árbitro e dos assistentes para o jogo da Champions.
Moggi: Quem é o árbitro? É o Cardoso?
Morena: Não, eu vejo o nome de Graham Poll.
Moggi: Uhm… De onde é que ele é?
Morena: É inglês.

(Moggi liga a Pairetto, irritado)
Pairetto: Está?
Moggi: Bom dia
Pairetto: Bom dia para ti também!
Moggi: Oh, então não era o Cardoso, eh?
Pairetto: Eh!
Moggi: Paul Green (Moggi confundiu os nomes de Graham Poll e Paul Green)
Pairetto: O quê?
Moggi: Paul Green
Pairetto: Então, aconteceu alguma coisa à última hora. Já tinha escolhido o Cardoso, deve ter acontecido alguma coisa… Deve ter adoecido ou qualquer coisa assim.
Moggi: Informa-te.
Pairetto: Sim, sim, vou já fazê-lo.

(por fim, diálogo antes do Ajax-Juventus)

Moggi: Estou?
Pairetto: Olá! Eu sei que já te esqueceste de mim, mas eu não.
Moggi: Vá lá…
Pairetto: Nomeei-te um grande árbitro para o jogo de Amesterdão.
Moggi: Quem?
Pairetto: O Meier (Urs Meier)
Moggi: Excelente!
Pairetto: Vês como eu ainda penso em ti, mesmo quando tu já te esqueceste de mim…
Moggi: Não comeces. Vais ver: quando eu voltar, vais ver que eu não me esqueci de ti.

Depois digam que é por azar que o meu Inter não ganha o Scudetto há 17 anos!!!

20 Comments:

At terça-feira, 23 maio, 2006, Anonymous pedrodisse...

Podias ter dito quem é o Cardoso.
O nome dele rima com Emílio Artista e é de Setúbal.

 
At terça-feira, 23 maio, 2006, Blogger Bulhão Patodisse...

Tens razão: o Cardoso, para os distraídos, é o senhor Lucílio Baptista. Lucilio Cardoso Cortez Baptista, de sua graça.

 
At terça-feira, 23 maio, 2006, Blogger Bulhão Patodisse...

Aliás, se há coisa que a vida nos ensinou é que, nestas molhadas, há sempre um português.

 
At terça-feira, 23 maio, 2006, Blogger Insurrectodisse...

Basta mudares os nomes de Moggi para Pinto e Pairetto para Valentim e assim tens o apito dourado...

Mas em Itália caem cabeçam, aqui caem indemnizações para os visados...

 
At terça-feira, 23 maio, 2006, Anonymous pedrodisse...

Ontem na SIC, o Dias Ferreira deixou no ar que esta novela vai atingir Portugal. Mas o gajo é um bocado octaviano, e acabou por não explicar nada. Se isto chegar a Portugal, já o estou a ver a dizer "eu não disse?".

 
At terça-feira, 23 maio, 2006, Anonymous RRdisse...

O mais incrível de toda esta história é a pouca cobertura que lhe tem sido dada em Portugal.

Este pequeno excerto só peca por defeito... há muito mais nestas escutas, implicando directamente jogos da Série A e vários outros clubes: Lazio, Fiorentina, Milan...

Todos os anos, como adepto do Inter e com o meu clube a ser constantemente roubado, tive de ouvir os habituais comentários de "coitadinho", "mania da perseguição" e "joguem e calem-se"... no fim prova-se que se calhar até tinha razão...

Será que os adeptos do Sporting, também conhecidos por se queixarem das roubalheiras sucessivas e forçados a lutos desportivos terão ainda o dia em que nos será dada razão??? Em Portugal... infelizmente... é pouco provável!!!

Em Itália, ficarei contente quando os dois últimos campeonatos forem retirados à Juventus e a equipa for relegada à Serie B. Nessa altura, o Inter será a única equipa que nunca esteve afastada da série A... pelo simples facto de ser a única honesta (ainda se lembram dos escândalos do Totocalcio que despachou o Milan e a Lazio para a Serie B nos anos 80???)

Saudações Leoninas e Interistas

 
At quarta-feira, 24 maio, 2006, Anonymous Juvenenodisse...

O Moggi comparado com o Veiga e com o Orelhas é um menino de coro. Se este país tivesse uma justiça a sério lá se iam as alamedas para a segunda: A Alameda do Dragão e a Alame(r)da Luz.

 
At quarta-feira, 24 maio, 2006, Blogger Guitarristadisse...

Esse Cardoso nunca me enganou!...

 
At quarta-feira, 24 maio, 2006, Blogger Lancedisse...

Olha... o Lucilio Calabote.. que pena..

 
At quarta-feira, 24 maio, 2006, Anonymous ooribdisse...

Vá lá insurrecto!
Bastaria também mudar-se o
Moggi para LF Vieira, o Pairetto para Cunha Leal e a Morena para Luis Guilherme e aí terias o apito encarnado. E se alguem cair o poder institucional o amparará, não te preocupes...

 
At quinta-feira, 25 maio, 2006, Blogger Guitarristadisse...

Ó oorib, com o devido respeito, parece-me que estás confuso. Que eu saiba, o Vieira, o Veiga e o Guilherme não são nem foram arguidos em nenhum processo de corrupção no futebol português. Por isso, parece-me que a comparação peca por ser excessivamente entusiasta. Mas foi uma boa tentativa. Já quanto ao PC e ao seu gang, não se pode dizer o mesmo. O Padrinho lá de cima manda mais que os italianos, pelos vistos... A Carolina é que lhos pôs bem.

 
At quinta-feira, 25 maio, 2006, Anonymous sociedadeleoninadisse...

Depois digam que o Meu Sporting não ganhou o título durante 17 épocas...

 
At sexta-feira, 26 maio, 2006, Blogger Leão Verdedisse...

E explica a roubalheira que normalmente favorece os italianos na UEFA. Até que... o Milan pagou por todos em Barcelona.
Também ficou claro, se dúvidas houvesse porque é que o Sporting foi roubadíssimo contra a Udinese. Pois.

 
At sexta-feira, 26 maio, 2006, Blogger patifedisse...

Leão verde, que se saiba, o escândalo ainda não chegou à zona de despromoção da liga italiana

 
At segunda-feira, 29 maio, 2006, Anonymous ooribdisse...

Não gitarrista, não me parece. Estarás concerteza lembrado do jogo estoril-slb no estádio do algarve, de tudo o que foi dito, o que nunca foi dito e, nunca foi feito o que deveria ser feito.
Quanto à corrupção, a corrupção eficaz, é aquela que começa nos bastidores da grande política e acaba nas redações da comunicação social. Os indícios ainda estão lá, só falta vontade de investigar e denunciar.
Não é preciso muito para encontrar o polvo, embora este mude rápidamente de cor, ele por dentro é bem vermelho, podem crer. Não foi por acaso que o polvo ferido na sua intimidade resolveu com rapidez o processo do vale azevedo assim que este foi corrido da presidência.
Pois é pá, o PC pode até ser um corleone mas que vos fode a vida, isso fode.

 
At segunda-feira, 29 maio, 2006, Blogger Guitarristadisse...

Não sejas ridículo. E tenta ser coerente. Em que é que ficamos? O PC é Corleone mas o polvo é vermelho?... E nos últimos 20 anos o polvo tem funcionado... a favor de quem? "O jogo com o Estoril" no estádio do Algarve foi uma vergonha, sim: à meia-hora de jogo já o Estoril devia estar a jogar com 8 ou 9 e, se bem me lembro, ainda nem um cartão amarelo tinha sido mostrado. Mas não... com o Porto a ganhar 5 campeonatos seguidos e 13 ou 14 desde que o PC chegou a presidente, a única coisa que vos vem à cabeça é uma merda de um jogo contra uma equipa que nem na Liga de Honra consegue ser competente. Haja paciência. Muito gostam vocês do vermelho.

 
At terça-feira, 30 maio, 2006, Blogger Apredisse...

Não é possivel safarem-se da 2ª!

Bulhão, já viste este candidado a post do ano?...
Bem sei que é um blogger pastel, mas não sei se isto não é, digamos, insuperável...

 
At terça-feira, 30 maio, 2006, Anonymous ooribdisse...

Tem calma pá que apenas dei um exemplo, e dos mais recentes, mas parece que te fez algum efeito. Se nesse jogo houve muita coisa estranha o mais escandaloso foi exatamente ter sido desviado para o Algarve, para já não falar nas chuteiras do árbitro.
Se não entendes o que foi escrito,
vá lá, tens uma segunda chance!
Se gosto de vermelho? Qual vermelho o da FáFá de Belém?

 
At terça-feira, 30 maio, 2006, Anonymous ooribdisse...

Geração Penta

"Longe vão os tempos da hegemonia lisboeta, em que Benfica e Sporting ditavam as regras. A partir dos anos 80 tudo mudou. Com Pinto da Costa aos comandos, primeiro como director da secção, depois como presidente do clube, o FC Porto transformou-se numa fábrica de campeões, ganhando o papel principal na cena nacional e europeia. Foi campeão europeu em 1985, pentacampeão nacional em 1987, há três anos consecutivos que é vice-campeão da Europa e acaba de conquistar o segundo penta da sua história."
A modalidade a que se refere o texto é o Hoquei em patins.

Pois é gitarrista desafinado, o meu "padrinho corleone" é que vos fode...

 
At segunda-feira, 07 abril, 2008, Anonymous Anónimodisse...

faz-me lembrar o Orelhas a pesdir um arbitro para a taça hahahahahahaha

 

Enviar um comentário

<< Home