Mãos ao ar

Blogue de discussão desportiva. Qualquer semelhança entre este blogue e uma fonte de informação credível é pura coincidência e não foi minimamente prevista pelos seus autores. Desde já nos penitenciamos se, acidentalmente, relatarmos uma informação com um fundo de verdade. Não era, nem é, nossa intenção.

quarta-feira, dezembro 07, 2005

O golo de Nani

Bem sei que já passaram alguns dias desde o último “clássico” do futebol português. Desde então, muitas coisas aconteceram que deixaram pouco espaço para que se voltasse a falar do FC Porto-Sporting – o Nacional perdeu a ocasião de saltar para a liderança graças ao golo mais estúpido do mundo de Meyong, o Vitória de Setúbal está a fazer um brilharete, os portistas já foram eliminados das competições europeias, o Unhais da Serra é líder isolado da II Divisão da Associação de Futebol de Castelo Branco depois de ir vencer ao campo do Escalos de Baixo, o Nuno Gomes até já foi ouvido na Liga a propósito do gesto altruísta que teve no Municipal de Braga.
Mas, mesmo após tantas peripécias ocorridas na última semana no futebol português, continuo a pensar no jogo do Dragão. O resultado aceita-se e, como é uso e costume, portistas e sportinguistas lamentam-se em relação à actuação da equipa de arbitragem. Diga-se, aliás, e numa opinião meramente pessoal, que o inenarrável Lucídio Baptista sentiu-se tão à vontade no relvado do Dragão como um girassol numa estepe nevada da Sibéria, como um pinguim no mar de Andamã, como um Papa Bento XVI a baptizar sacerdotes homossexuais, como um boavisteiro sem cafeína, como um Nuno Gomes sem gel à mão, como um Mantorras sem parafusos no joelho. Não, Lucídio moveu-se no relvado do Dragão com a graciosidade de uma libelinha, com o virtuosismo de Nureyev, com a justiça divina de Salomão, com a passividade de um eunuco num harém.
Independentemente de quota-parte das responsabilidades terem de ser distribuídas pelos auxiliares (não quero crer que nome tão imbecil tenha substituído os populares bandeirinhas), Lucídio esteve ao seu nível: não viu um penalty de Polga, não descortinou a extraordinária defesa de César Peixoto em plena grande-área (parafraseando o isento comentador televisivo Frasco, “Não vejo motivos para grande penalidade porque o jogador já estava em queda”). O mal foi distribuído pelas aldeias, mas o que ainda hoje me intriga é o estranho (ou talvez não) branqueamento a nível nacional do golo invalidado a Nani. Lizandro Lopes também viu um golo ser invalidado, mas todos os canais televisivos, repito, todos os canais televisivos, deram a repetição do lance, onde se vê que Rogério, mesmo teatralizando, é empurrado pelo argentino.
Já em ralação a Nani, agradeço que alguém me esclareça – porque foi o golo invalidado? Nani fez falta sobre o generoso Pepe? Ou será que, se alguém fez falta, foi o caridoso Pepe? Vi todos os canais televisivos à espera da repetição, fiz directas consecutivas para não perder a jogada, estive horas a fio fazendo zaping entre a SportTV, a RTP1, a RTP2, a Sic, a TVI, a Sic Notícias, a RTPN, a EuroSport, a Odisseia, a Venus e a Playboy, e… nada. Nada, zip, nicles, rien, népia de repetição. Por isso, ainda estou para saber porque raio foi o golo invalidado. Será que algum de vocês, zelosos leitores, me podem esclarecer?

17 Comments:

At quarta-feira, 07 dezembro, 2005, Anonymous Jay Jay Okochadisse...

Lá tinham de arranjar uma lengalenga para o ano todo. Durante meses, vamos ouvir esta história todos os dias. Vocês são uns pobres de espírito. Garanto que vi o jogo e nem dei pelo lance de que falas. Mas eu sou isento. E tu não.
Campeões somos nós. SLB4ever

 
At quarta-feira, 07 dezembro, 2005, Blogger Sancho Urracodisse...

Caro jay jay, pelo menos uma vez na vida concordo consigo. Você prima, sem dúvida, pela isenção.

 
At quarta-feira, 07 dezembro, 2005, Blogger GoncaloSoaresSilvestredisse...

Já não é a primeira vez que se branqueia um lance na televisão. Confesso que fiz exactamente o mesmo, até para ver como o Nani se desenvencilhou do defesa.

Já no recente golo do U. Leiria frente ao Sporting que o árbitro não validou, todas as televisões se apressaram a colocar a jogada a partir do cruzamento, nunca mais mostrando que o jogador estava em fora-de-jogo na altura do passe a meio campo que o desmarcou junto à linha.

 
At quarta-feira, 07 dezembro, 2005, Anonymous Juvenenodisse...

Sancho concordo perfeitamente contigo, quanto ao branqueamento das imagens do golo limpo do Nani, bem como concordo com a isenção do Jay Jay.
Contudo, a isenção do Jay Jay é a de pagar os antidepressivos, tenho é pena de cada vez estar pior e ainda mais repetitivo repetitvo com os "campeões" somos nós. A sorte é que essa merda passa-lhe daqui a pouco tempo.

 
At quarta-feira, 07 dezembro, 2005, Anonymous Seus Lagartos Broncosdisse...

Só queria saber com quem é que o Sporting vai jogar na próxima jornada europeia!?...

SLB

Juveneno, pinta as brancas e engole em seco! A seguir, vamos enrabá-los no campeonato!

 
At quarta-feira, 07 dezembro, 2005, Anonymous Jay Jay Okochadisse...

Glorioooossssoooo! Campeões somos nós. Contra os melhores da Europa, nos ainda fomos maiores.

 
At quarta-feira, 07 dezembro, 2005, Anonymous Chalanadisse...

Ao menos, agora, estão caladinhos até Março. Ciao lagartagem. A gente vai à frente na Champions.

 
At quinta-feira, 08 dezembro, 2005, Blogger DRVdisse...

eh pá, tanta lampionagem, o golo do nani foi uma coisa bonita, linda, lampionicamente brindada com o direito ao directo e a uma repetição..
o cristiano ronaldo é lindo .|.

 
At quinta-feira, 08 dezembro, 2005, Blogger El Ranysdisse...

É um daqueles clamorosos "roubos de igreja". Se aquele golo fosse invalidado ao Benfica, lá teriamos que gramar com DVD's voadores, lenga-lengas do senhor Veiga do Luxemburgo, blá, blá, blá...

Ainda por cima, o golo foi lindo, uma obra prima.

Durante muitos anos, o Porto conseguiu ser levado ao colo pelas arbitragens. Depois, imaginem, até o Boavista gozou da protecção dos "juízes", conseguindo conquistar um campeonato (ocorre-me, assim de repente, um Boavista -Paços de Ferreira desse ano, em que a coisa, devidamente escalpelizada, daria para enviar o árbitro para um gulag na SIbéria com direito a sevícias várias).

Agora, repôs-se a normalidade e lá está o Benfica outra vez a gozar da "magnanimidade" das arbitragens.
Quanto ao Sporting... bom, realmente, na história do futebol português, o Sporting não faz parte deste filme. Nunca foi levado ao colo para lado nenhum. Mais uma coisa que faz a nossa diferença.

 
At quinta-feira, 08 dezembro, 2005, Anonymous Petrovichdisse...

Para ser justo, quando o Nani marca, já o árbitro tinha apitado há muito. Dito isto, não me apercebi de qualquer falta e é um facto que o lance desapareceu dos resumos televisivos...

 
At quinta-feira, 08 dezembro, 2005, Anonymous bjmdisse...

Que post mais ressabiado, chiça! Nem parece vosso.

 
At quinta-feira, 08 dezembro, 2005, Blogger Ruidisse...

Oh Sancho,

Se viste as repetições da Vénus e do Playboy terá certamente visto "entradas duras" de profissionais pretos... alguma seria do Nani?

Certamente que os brindados com essas "entradas" tinham bigode, dentes podres, cheiro a alho e uma t'shirt a dizer "Campeõs".

 
At quinta-feira, 08 dezembro, 2005, Blogger Bulhão Patodisse...

:-)) Também acho que nos deves uma resposta, Sancho.

 
At sexta-feira, 09 dezembro, 2005, Blogger Sociedadedisse...

A resposta é simples:
o porto-Sporting tinha de dar empate. Analisem bem a interpretação do trio de arbitragem e depois vejam se o empate não era o resultado mais provável. Assim chegámos ao intervalo, assim chegámos a final dos 90 minutos. Empate.

Quem é que beneficiou com este resultado?

Onde é que vai estar o mesmo árbitro este fim de semana?

 
At segunda-feira, 12 dezembro, 2005, Anonymous Apredisse...

A explicação deu minuciosamente no CANAL 18, foi uma entrada por trás ao Sporting!

 
At segunda-feira, 12 dezembro, 2005, Blogger Bulhão Patodisse...

É muita maldade, Apre.

 
At terça-feira, 13 dezembro, 2005, Anonymous Archiedisse...

Vergonhoso o branqueamento desse lance por toda a comunicação social!!! O lance é limpo e decidia o jogo a nosso favor!!!

 

Enviar um comentário

<< Home