Mãos ao ar

Blogue de discussão desportiva. Qualquer semelhança entre este blogue e uma fonte de informação credível é pura coincidência e não foi minimamente prevista pelos seus autores. Desde já nos penitenciamos se, acidentalmente, relatarmos uma informação com um fundo de verdade. Não era, nem é, nossa intenção.

domingo, outubro 16, 2005

Basta!

Já chega! Não há mais espaço de manobra, nem há mais crédito. Não há margem de progressão nem pontinha de sorte que nos valha. A equipa do Sporting joga mal.
Há um mês já jogava mal. Agora joga pior, infinitamente pior.
Há um mês aceitavam-se algumas lesões musculares. Agora elas são inconcebíveis.
Há um mês toleravam-se experiências tácticas. Agora elas são ridículas e ofensivas.
Há um mês aceitava-se a falta de fôlego para o quarto-de-hora final. Agora, ela é suspeita de incompetência.
O Sporting foi sucessivamente inferior ao Halmstad, ao Paços de Ferreira e à Académica. O que falta mais quando já olhamos para o calendário e sentimos calafrios com a perspectiva de jogar em Barcelos ou receber o Varzim?
Peseiro esgotou o crédito. Não faz definitivamente parte da solução, mas faz parte do problema. E atrás dele há uma longa lista de pragas a extirpar. A decisão tem de ser tomada hoje. Ou os Imbatíveis do ano do centenário arriscar-se-ão mesmo a inscrever o seu nome na história do Sporting. Pelos piores motivos.

3 Comments:

At segunda-feira, 17 outubro, 2005, Blogger maria papoiladisse...

Já me está a chatear esta pseudo-unanimidade em torno das exibições do Spórtem. Os nossos pitorescos jornais desportivos fazem disso as 1ªs páginas. Não quero saber! É-me indiferente se foi eliminado pelo Halmstads ou se perdeu o último jogo em casa com a Académica. Não quero saber se os seus responsáveis põem o rabinho entre as pernas a 10 minutos do fim do jogo e...ala que se faz tarde! Estou-me nas tintas se alguém está a mexer os cordelinhos para que os jogadores do Spórtem, essas feras que não dão quartel, não joguem cheios de motivação. É-me indiferente o Hotel onde o Campino vai pernoitar amanhã e depois. Não ligo a nada do que estrelas do quilate de Pinilla ou Beto têm a dizer. A situação do guarda-redes Ricardo em nada me comove.
Se me permitem o desabafo, de tanta intoxicação mediática, já acendi uma velinha pelo Gil Vicente. Vamos a eles, galitos! Vamos fazer do caldeirão de Barcelos um inferno. Allez.

 
At segunda-feira, 17 outubro, 2005, Blogger Bulhão Patodisse...

Ena ena. Faz-se escola.

 
At terça-feira, 18 outubro, 2005, Blogger Apredisse...

Eu acho que o Beto e o Liedson deviam ser postos a treinar com os juniores, esles estão a destabilizar o plantel, o Peseiro é o bode espiatório, cada vez mais encostado à culpa.

 

Enviar um comentário

<< Home